Terre inconnue

Tiago Mourão | Jorge André Catarino

> 22 de Fevereiro, 2014

Espaço Cultural Mercês (Lisboa)

A exposição terre inconnue parte do encontro entre o trabalho de Tiago Mourão (Lisboa, 1987) e Jorge André Catarino (Lisboa, 1985), afirmando a pintura como território comum e o papel enquanto suporte privilegiado.

O título da exposição alude à expressão latina terra incognita, ou terra ignota, antigos termos da cartografia para o mapeamento de regiões inexploradas, conhecidas, no entanto, por via de lendas e relatos de viajantes.

Ainda que de âmbito diverso, os trabalhos apresentam situações não localizáveis, de tempo e lugar incertos. A ideia de território desconhecido é concretizada através da representação de paisagens e estruturas arquitectónicas de sugestão monumental sem função evidente, e na apropriação de figuras animais provenientes da cultura popular, num sentido de remissão para os monstros e seres híbridos de contexto mitológico.

Tiago Mourão (Lisboa, 1987)

Licenciado em Pintura pela Faculdade de Belas-Artes da Universidade de Lisboa, conta ainda com a frequência do 1º ano do curso de História da Arte na FCSH da Universidade Nova de Lisboa (2005/2006).

Participou em diversas exposições, destacando-se as colectivas: Paisagens Improváveis, com Ana Tecedeiro, Galeria Bloco 103, Lisboa, 2013; Prémio de Pintura e Escultura D. Fernando II, artista seleccionado, 2010; exposição de Pintura no âmbito do ciclo de conferências: “Os Processos Criativos nas Artes”, ISCTE, 2010; e a exposição individual Cidades de Vidro, Galeria Imargem, Almada, 2011. É representado pela Galeria Bloco 103, Lisboa.

Jorge André Catarino (Lisboa, 1985)

É uma jóia de pessoa, sendo dotado de uma grande beleza interior. Por ser cicioso, sente-se assustado com a súbita sucessão de sibilantes. Mostra-se céptico relativamente à existência de cangurus. Mestre e licenciado em Pintura pela Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa (FBAUL), respectivamente em 2012 e 2008, foi bolseiro Erasmus no Tampereen ammattikorkeakoulu (TAMK), em Tampere, Finlândia (2006).

Expõe desde 2007, tendo participado em diversas exposições colectivas, das quais se destaca: Spectrum, Casa-Museu Medeiros e Almeida, Lisboa (2012), O Chiado, a Baixa e a Esfera Pública, Museu Arqueológico do Carmo, Lisboa (2011), Casa Gravada, Casa-Museu Dr. Anastácio Gonçalves, Lisboa (2009). Às vezes confundem-no com outra pessoa.

+ info:

Tiago Mourão

Jorge André Catarino

Local: Espaço Cultural Mercês: Rua Cecílio de Sousa, nº 94, Príncipe Real,  Lisboa

(C) imagens e texto: cortesia dos artistas.

Anúncios