Pedro Valdez Cardoso: The Devil’s Breath (Parte I)

Pedro Valdez Cardoso, The Devil's Breathe no Antigo Picadeiro do Colégio dos Nobres, Lisboa, 2013. Cortesia do artista.

Pedro Valdez Cardoso, The Devil’s Breath no Antigo Picadeiro do Colégio dos Nobres, Lisboa, 2013. Cortesia do artista.

The Devil’s Breath – Parte I (The Master’s Plateau)

@ Antigo Picadeiro do Colégio dos Nobres (Lisboa)

> 4 de Maio, 2013

O livro ‘Heart of Darkness’ de Joseph Conrad é o ponto de partida sobre o qual assenta o projecto ‘The Devil’s Breath’, do artista Pedro Valdez Cardosoque será desenvolvido ao longo de um ano e materializado em três momentos expositivos diferentes, numa clara referência quer ao conceito literário de trilogia, quer à concepção formal da tragédia grega, desenvolvida em tês momentos, sendo que a primeira apresentação não corresponde ao prólogo, como seria espectável, mas sim ao êxodo. O fim como início.

O texto de Conrad, e as temáticas nele encontradas, nomeadamente as temáticas em torno da concepção de mal, viagem, desconhecido, colonialismo, poder e construção identitária, constituem as linhas directivas e orientadoras do processo de trabalho e de investigação do projecto. Embora escrito de forma semelhante a uma novela de viagem, o livro de Conrad é um delato do colonialismo Belga, e é sobretudo um ensaio sobre a natureza-humana, e como essa natureza é passível de transformação longe de uma sociedade dita civilizada e sujeita a comportamentos inscritos numa lógica de normatividade e padrões pré-estabelecidos.

Paralelamente à obra de Conrad, serão tomadas em conta outras fontes, de que são exemplo o cinema americano das décadas de 30 e 40 sobre África, iconografia ligada às artes primeiras africanas, nomeadamente da região do Congo (local geográfico onde tem lugar a acção da narrativa do livro) e o filme Apocalypse Now (1979), de Francis Ford Coppola baseado em ‘Heart of Darkness’.

‘The Devil’s Breath’ embora referencie aquela que tem sido no ocidente a figuração do “mal” – o Diabo, não pretende quaisquer conotações ou leituras de carácter bíblico, uma vez que é igualmente um nome dado, em gíria, a uma droga cujo efeito causa no seu consumidor a perda de total livre arbítrio, deixando-o à mercê e subjugação de outra pessoa, num efeito próximo ao de uma marioneta. E é no seguimento desta ideia, que a instalação apresentada em Lisboa, na Parte I do projecto, evoca o conceito de instrumentalização. Ao centro do espaço expositivo estruturas arquitectónicas usadas em campos de treinos militares na selva, bem como inspiradas em construções indígenas, são o palco de uma suposta acção, ou pós- acção. Numa cena híbrida entre uma imagem de fim de batalha e um estaleiro de obras com andaimes, baldes e roldanas, que rodeiam uma figura totem central, um deus ou um espantalho.

Pedro Valdez Cardoso, The Devil’s Breath no Antigo Picadeiro do Colégio dos Nobres, Lisboa, 2013. Cortesia do artista.

Pedro Valdez Cardoso, nasceu em Lisboa, em 1974. Vive e trabalha em Lisboa, Portugal. Conclui o Curso Avançado de Artes Visuais na Escola de Artes Visuais Maumaus, em Lisboa e a Licenciatura em Realização Plástica do Espectáculo pela Escola Superior de Teatro e Cinema. Foi nomeado para o prémio Burgal – artistas emergentes, na Arco Madrid, em 2009. O seu trabalho foi premiado na ArtSalamanca, em 2008, (Aquisição “Lugares de la Memória”) e recebeu o V Prémio de Escultura City Desk (1º), em 2005. A sua obra encontra-se representada em várias colecções privadas e públicas das quais se destacam: Fundação D. Luís I, Cascais, Fundação PLMJ, Lisboa, Fundação Carmona e Costa, Lisboa, Museu da Cidade, Lisboa, Museo de Arte Contemporâneo Union Fenosa, Coruña, Espanha, DA2 – DOMUS ARTIUM 2002, Salamanca, Espanha, Centro Cultural Emmerico Nunes, Sines, Portugal.

Pedro Valdez Cardoso, The Devil's Breathe no Antigo Picadeiro do Colégio dos Nobres, Lisboa, 2013. Cortesia do artista.

Pedro Valdez Cardoso, The Devil’s Breath no Antigo Picadeiro do Colégio dos Nobres, Lisboa, 2013. Cortesia do artista.

Antigo Picadeiro do Colégio dos Nobres

Museu Nacional de História Natural e da Ciência (MNHNC)
Rua da Escola Politécnica, 60
1250-102 Lisboa
Tel: 210443598

Exposição patente até 4 de Maio de 2013
Quinta a Sábado das 14h – 19h

Visitas fora do horário de exposição por marcação através dos contactos:
966725703 | 965692195 | info@pedrovaldezcardoso.com

Clique nas imagens para ampliar:

+info:

Pedro Valdez Cardoso

THE DEVIL’S BREATH (PARTE II)

Anúncios