Pedro Calapez: Byte

> 14.03 – 10.05.2014

Galeria Belo-Galsterer

inauguração: 13.03.2014 (19h)

A  Galeria Belo-Galsterer apresenta, pela primeira vez, o trabalho a solo de Pedro Calapez: ‘Byte’ – um projecto individual do artista. A série de trabalhos que intitulou de BYTE (2014) é constituída por painéis isolados, de forma quadrada ou circular, fabricados em chapa de alumínio lacada e pintados com tinta alquídica (tinta de óleo com secagem rápida).

O título BYTE pretende evocar o sistema de linguagem máquina em informática, em que a génese da palavra, e portanto da comunicação, resulta da combinação de octetos de bits. De facto, um ‘Byte’ é definido como uma unidade de informação digital constituída por 8 bits, sequência de dispositivos electrónicos que ora estão ligados ou desligados, representa­dos graficamente pelos algarismos 0 e 1, notação da linguagem “binária”. Cada uma destas pinturas, pelas suas formas circular (zero) e quadrada (um) questiona, o hipotético observador, se a coexistência da palavra e a imagem só será possível de uma forma artificiosa, codificada.

A saber: durante a exposição será lançado uma edição especial de múltiplos (limitada a 8 exemplares) da autoria do artista Pedro Calapez.

Pedro Calapez (Lisboa, 1953), vive e trabalha em Lisboa. Começou a participar em exposições nos anos 70 e, em 1982, realizou a sua primeira exposição individual. O artista explora as possibilidades da abstracção na pintura e no desenho, com a preocupação de criar ambientes envolventes. Calapez experimenta, também, novos materiais, como o alumínio, o tijolo e a madeira, além de trabalhar sobre os suportes mais convencionais como a tela e o papel.  Calapez participou em exposições colectivas durante a Bienal de Veneza (1986) e na Bienal de São Paulo (1987 e 1991).

Encontra-se representado nas seguintes colecções institucionais: Caixa Geral de Depósitos, Lisboa; Centro de Arte Caja Burgos, Burgos; Central European Bank, Frankfurt; CGAC, Santiago de Compostela; Chase Manhattan Bank N.A, New York; Colecção António Cachola, Elvas; European Investment Bank, Luxembourg; Fundação Coca-Cola Espanha, Madrid; Fundação Pilar and Joan Miró, Majorca; Fundação Calouste Gulbenkian, Lisbon; Fundação EDP, Lisbon; Fundação Luso American, Lisbon; Fundação PLMJ, Lisboa; Fundação Portugal Telecom, Lisboa; MEIAC, Badajoz; MNCARS, Museu de Arte Contemporânea Reina Sofia, Madrid; Museu de Serralves, Porto, entre outras.

+ info:

Pedro Calapez

Galeria Belo-Galsterer

Anúncios