Christian Boltanski (les archives du coeur)

Christian Boltanski   |   Les Archives du Coeur  (os arquivos do coração).

Christian Boltanski, Les Archives du Coeur, 2010-2011, Setouchi Int. Arts Festival, Fotografia Yasuhide Kuge

O artista francês (n. Paris, 1944) criou, no verão de 2010, na Serpentine Gallery, em Londres, um arquivo de batimentos do coração que foi recolhendo através de vários voluntários. Estes batimentos recolhidos, em Londres, juntaram-se a outros. O objectivo foi conceber uma instalação permanente, a partir dessas gravações, na remota ilha japonesa Teshima –  uma das ilhas onde decorre o Setouchi International Art Festival.

A exposição divide-se em três partes. Uma instalação. Um espaço (Listening room) onde os vistantes podem escolher e ouvir as gravações já existentes e uma sala de gravação (Recording Room) onde os visitantes podem gravar os seus batimentos cardíacos. Assim como as impressões digitais, os batimentos cardíacos são únicos para cada indivíduo.

Nesta exposição permanente, os visitantes têm a oportunidade de ouvir os batimentos cardíacos de uma grande variedade  de pessoas, incluindo aquelas que já não estão entre nós (que entretanto faleceram), pessoas de países distantes e das pessoas que amam. Boltanski é fascinado pela singularidade de certas experiências humanas e pela efémeridade da vida.

“Estou interessado no que eu chamo dememória breve’ – uma memória emocional, um conhecimento quotidiano breve que, ao contrário da memória que é preservada nos livros de história, é esta que nos torna únicos, mas que é, também, extremamente frágil e desaparece com a morte. Essa perda de identidade é muito difícil de aceitar “.

Christian Boltanski 

Christian Boltanski, les archives du coeur, 2010, Serpentine Gallery, London

 

Anúncios