Gerhard Richter Painting

© Gerhard Richter, cortesia do artista.

“A pintura é uma forma diferente de pensar”

Corinna Belz realizou um documentário sobre Gerhard Richter, intitulado Gerhard Richter Painting. Em exibição, na Alemanha, a partir de 8 de Setembro.

Corinna Belz pretendeu com este documentários revelar ‘os mistérios’ inerentes ao processo criativo de um dos mais importantes artistas contemporâneos. Abriu as portas do estúdio, onde o artista trabalhou, no verão de 2009, numa série de grandes pinturas abstractas. Oferecendo, assim, uma visão única sobre a origem desses quadros e o trabalho de Richter. A forma como se avalia, como pensa, como, por vezes, destroi para recomeçar.

“A pintura é uma forma diferente de pensar”, diz Richter e o filme leva essa premissa muito a sério. Richter é metódico e tranquilo, possui um ritmo muito próprio de trabalho que implica sempre uma reflexão e acção continuadas.

“É difícil dizer se poderia ser melhor”, comenta Gerhard Richter sobre uma primeira aplicação de cor.

Gerhard Richter (n.1932) nasceu e cresceu em Dresden em pleno regime Nacional-Socialista. Mais tarde, viveu 16 anos na Alemanha de Leste (ex-RDA comunista). Em 1961, muda-se para a zona ocidental. Sobreviveu a várias ideologias políticas.

O filme mostra, também, o artista e os seus assistentes Norbert Arns e Hubert Becker a preparar as exposições que, nessa altura, estiveram patentes em Colónia, Londres e Nova Iorque, bem como várias conversas com a sua galerista de NY, Marian Goodman, e com o historiador de arte Benjamin HD Buchloh. Corinna Belz permite-nos observar o complexo processo da sua criação artística, através de um olhar sobre a tela vazia que se transforma e expande e onde as imagens são protagonistas. Outra forma de pensar – a dele (do artista). Gerhard Richter Painting é o retrato assombroso de um artista e um filme fascinante sobre arte.

(fonte: art magazin)  

© Gerhard Richter, cortesia do artista.

Anúncios