Bienal de Veneza 2011 | Francisco Tropa

© Francisco Tropa, Scenario, fotografia de Pedro Tropa

Na edição (54), da Bienal de Veneza, Portugal é representado por Francisco Tropa.

A exposição Scenario, curadoria de Sérgio Mah, articula escultura, dispositivos de imagem e fragmentos da natureza.

“Desde o início dos anos 90 que o trabalho de Francisco Tropa tem privilegiado a prática da escultura, frequentemente em articulação com as artes performativas, o desenho e as imagens técnicas. Igualmente relevante no seu trabalho é a atenção dada à montagem e à ocupação do espaço expositivo, ao lugar das coisas, da sua natureza e das suas relações, para que possam ser observadas e experienciadas. São imagens simultaneamente estranhas e encantatórias, que reconfiguram e deslocam a percepção para um plano de oscilações entre figuração e abstracção, entre fixidez e movimento, entre cópia e original.” Sérgio Mah

© Francisco Tropa, Scenario, fotografia de Pedro Tropa

© Francisco Tropa, Scenario, fotografia de Pedro Tropa

© Francisco Tropa, Scenario, fotografia de Pedro Tropa

© Francisco Tropa, Scenario, fotografia de Pedro Tropa

© Francisco Tropa, Scenario, fotografia de Pedro Tropa

© Francisco Tropa, Scenario, fotografia de Pedro Tropa

© Francisco Tropa, Scenario, fotografia de Pedro Tropa

© Francisco Tropa, Scenario, fotografia de Pedro Tropa

© Francisco Tropa, Scenario, fotografia de Pedro Tropa

© Francisco Tropa, Scenario, fotografia de Pedro Tropa

fotografias © Pedro Tropa  |  cortesia: Dgartes

Anúncios